Direitoria do LACEN

À Diretoria do Laboratório Central de Saúde Pública - LACEN, unidade organizacional de direção, diretamente subordinada à SVPPS, compete:

  • dirigir, coordenar, supervisionar e executar ações da política de Laboratórios Centrais de Saúde Pública, demandadas pelo Sistema Nacional de Laboratórios de Saúde Pública, e de acordo com os Sistemas Nacionais de Vigilância Sanitária e Epidemiológica;
  • coordenar e acompanhar os processos de planejamento do LACEN em consonância com as políticas de saúde do Tocantins e com os instrumentos de planejamento e de gestão do SUS.
  • coordenar, acompanhar e avaliar o desempenho das suas unidades organizacionais, visando o funcionamento harmônico e coerente com as atribuições por estas definidas e com o planejamento estabelecido para a instituição;
  • articular junto à SESAU e o Ministério da Saúde no que concerne à viabilidade de recursos e apoios técnico-operacionais para atender às necessidades de manutenção e crescimento do LACEN;
  • viabilizar a realização de análises laboratoriais relacionadas com vigilância em saúde nas áreas de biologia médica, ambiental, controle de qualidade de produtos sujeitos à vigilância sanitária como medicamentos, alimentos e produtos para saúde, controle de qualidade de medicamentos, saneantes e correlatos;
  • sugerir a celebração de contratos e convênios de interesse do LACEN;
  • promover e participar do desenvolvimento tecnológico da área, bem como analisar e aprovar a incorporação de novos métodos analíticos e diagnósticos;
  • propor a criação de comissões e grupos de trabalho para realização de atividades técnicas de caráter permanente ou temporário;
  • fomentar e estimular a integração e participação nas ações de vigilância à saúde;
  • estimular a realização de pesquisas, inquéritos e outros estudos de vigilância em saúde;
  • promover a realização de treinamentos em serviços técnicos específicos da área de laboratórios de saúde pública, de acordo com Sistema Nacional de Laboratórios de Saúde Pública;
  • coordenar, acompanhar, avaliar e aprovar o processo de aquisição de insumos e equipamentos; e,
  • coordenar e aprovar a elaboração de documentos técnicos e administrativos.